Lazer

Turisforma nas Redes Sociais

  • Home
  • Twitter
  • Facebook
  • Instagram

DOCUMENTOS PARA VIAJAR PELA AMÉRICA DO SUL

Argentina

Brasileiros estão isentos de visto de turismo/negócios para permanência até 90 dias.
Obs.: Brasileiros podem embarcar com o passaporte original, obrigatório validade mínima de 1 ano; ou apenas com a Carteira de Identidade original em bom estado de conservação, emitida há menos de 10 anos.

Bolívia

Vistos Consulares: Brasileiros não necessitam de visto para permanência de até 90 dias.
Para Brasileiros e cidadãos do Mercosul e Países Andinos é altamente recomendável viajar com a Vacina contra Febre Amarela Internacional . Demais nacionalidade é obrigatório apresentação da Vacina de Febre Amarela.
O embarque pode ser realizado com passaporte válido por no mínimo seis meses ou carteira de identidade brasileira recente e em bom estado de conservação.
OBSERVAÇÃO: Quando necessário, os passageiros deverão solicitar o visto pessoalmente no consulado em São Paulo. Prazo médio: 05 dias úteis.

Colômbia

Brasileiros estão isentos de visto à turismo para permanência de até 90 dias; sendo que neste caso, somente são permitidas até 03 viagens por ano.
– Brasileiros poderão viajar a turismo, com passaporte válido ou carteira de identidade ( RG) em bom estado de conservação e emitida há menos de 10 anos.
– A negócios o brasileiro necessita de visto; porém, o passageiro deverá entrar em contato direto com o consulado. Não são aceitos pedidos de vistos através de terceiros.

Chile

Brasileiros estão isentos de visto à turismo/negócios para permanência de até 90 dias.
Brasileiros podem embarcar com a carteira de identidade em bom estado de conservação e emitida há menos de 10 anos.

Peru

Brasileiros estão isentos de visto à turismo ou negócios para permanência de até 90 dias.
* Brasileiros podem embarcar com o passaporte original, com validade mínima de 6 meses OU apenas com a Carteira de Identidade ( RG) original em bom estado de conservação e emitida há menos de 10 anos.
Necessário certificado de Vacina contra febre amarela para retornar ao Brasil, após viagem ao Peru.
* Para viagens por período de permanência superior,  por outros motivos, necessário visto de entrada.
Não é permitido exercer atividade remunerada dentro do Peru, quando se viaja a turismo ou negócios.

Venezuela

Brasileiros estão isentos de visto à turismo para permanência de até 90 dias.
As companhias aéreas autorizadas, fornecerão uma tarjeta de turismo ( DEX-2) no momento do Embarque. A Tarjeta de turismo só poderá ser fornecida até 03 vezes por ano; ou seja, a Venezuela só autoriza até 03 viagens por ano, a turismo.
Obs1.:O passaporte deverá estar com a validade mínima de seis meses e apresentar Bilhete Aéreo original com ida e volta confirmadas.
Obs2.:Para entrar no país é necessário o Certificado de Vacina de Febre Amarela Internacional.

À negócios:  Todas as nacionalidades precisam de visto à negócios.

Documentos necessários:

– Passaporte com validade mínima de 06 meses( original + cópia das páginas de dados pessoais)
– 02 fotos  3X 4 cm coloridas, recentes, iguais, fundo branco
– Formulário preenchido e assinado em original.
– Certificado de Vacina de Febre Amarela Internacional ( original + cópia)
– Cópia do Comprovante de residência no Brasil
– Bilhete aéreo com ida e volta confirmados.
– Carta da empresa onde trabalha em papel timbrado e com firma reconhecida, original; especificando o cargo, motivo da viagem, tempo de permanência, nome e endereço da empresa ou pessoa que visitará na Venezuela e se responsabilizando pela estadia do colaborador
– Cópia do CNPJ da empresa onde trabalha ou cópia autenticada do contrato social e última alteração contratual da empresa onde trabalha
– Atestado de antecedentes criminais emitido pela Polícia Federal
– Extratos bancários atualizados ( aconselhamos dos 03 últimos meses)
– Cópia autenticada do RG ( para brasileiros) ou Cópia autenticada do RNE válido ( para estrangeiros)

O prazo máximo de permanência na Venezuela para o viajante de negócios é de 06 meses.
Local: São Paulo.  Prazo:  média de 5  a 7 dias úteis dentro do Consulado .
Obs: O estrangeiro com visto de negócios na saída do território Venezuelano deverá apresentar uma declaração de rendas ante à administração da Fazenda correspondente, qualquer que seja os enriquecimentos ou perdas na Venezuela até o momento de sua saída do país, de acordo com o artigo 73 da \`Ley de Reforma e la ley de impouesto sobre la renda de Venezuela\` . Timbre fiscal (selo fiscal), que deverá ser solicitado no \`Ministério do interior e justiça – DEX\` Av. Urdaneta, esquina de Carmelitas, Caracas.